Posts

, , , , , , ,

Membros do Criador de Mundos se apresentam no evento JuntaGeek!

Reconhecida por sua importância no cenário cultural e econômico nacional, Ribeirão Preto sediará a primeira edição da JuntaGeek, um evento nos moldes de uma comic con, que proporcionará experiências diversificadas de formação, compras, serviços, debates e diversão para os amantes da cultura Pop. A JuntaGeek é uma iniciativa da Matiz Eventos e do Selo Ribeirão Preto em Quadrinhos (RPHQ) e vai ocorrer nos dias 8 e 9 de setembro de 2017, sexta e sábado do feriado prolongado, no colégio Marista do centro da cidade.

O coração do evento é o clássico artists´ alley, o beco dos artistas, um espaço de contato direto do público com ilustradores, animadores, concept artists e quadrinistas de peso, cujos trabalhos povoam páginas e telas de gigantes como DC, Disney, Marvel e MSP, entre outros.

A programação educativa conta com mais de 20 atividades, como debates, painéis e mesas redondas, além de exibições de curtas de animação premiados comentadas por seus próprios autores. Também haverá oficinas práticas de games, cosplay e cosmake, customização, arte e quadrinhos. Segundo Maria Helena Spiritus, uma das organizadoras do evento, a promoção de crescimento pessoal é um dos diferenciais da JuntaGeek. “Entre outras oportunidades, artistas que pretendem ingressar ou ampliar sua atuação no mercado terão seus portifólios avaliados pelos estúdios IHQ, que fazem a ponte de agenciamento com editoras na Europa e EUA”

Nas áreas de jogos, estarão disponíveis para uso e diversão, tabuleiros, RPG e decks consagrados, autorais e material original ainda em fase de testes. O público poderá vivenciar experiências imersivas 3D / 360º e participar de torneio de games de combate multiplayer retrô.

Durante todo o evento também serão realizadas demonstrações e atividades monitoradas de Swordplay, exposições de colecionáveis e espaços de convivência e troca. Os participantes poderão, ainda, interagir na arena de Dance Game ou competir em desfiles de Cosplay e concursos de K-Pop.

A Rádio Geek estará sendo representada por dois locutores e escritores. O maldito Oscar Nestarez, autor de “Poe e Lovecraft: um ensaio sobre o medo na literatura”; “Sexorcista e outros relatos insólitos“ e “Horror adentro”. Colaborador da Revista Galileu e apresentador do programa “Criador de Mundos”. E a luminosa Amanda Reznor, compositora, gamer e autora do livro “Delenda & O Vale dos Segredos”, também apresentadora do programa “Criador de Mundos”.

De acordo com Cordeiro de Sá, a cultura e o mercado geek vêm crescendo e intenção da JuntaGeek é colocar Ribeirão Preto e região no mapa nacional das comic cons. “Eventos desse tipo fazem bem para as pessoas que vivem experiências diferentes, fazem novos amigos e tomam contato com diversas formas de arte e conhecimento enquanto se divertem”, explica o organizador.

Todas as atividades estão incluídas no valor dos ingressos. Exceto a compra de produtos, serviços de beleza e alimentação nos food-trucks, nada mais será gasto lá dentro. Para quem se apressar, há uma recompensa especial: a aquisição de um dos 300 pacotes de ingressos do primeiro lote dá acesso a um encontro exclusivo com Lino Facioli, ator que vive o jovem “Robin Arryn” da aclamada série “Game of Trhones”.

E aí? Não vá perder esse evento, heim! 

 

SERVIÇO:
JuntaGeek: dias 8 e 9 de Setembro de 2017, sexta-feira e sábado, das 10h às 19h. Prévia VIP: dia 12 de Agosto (sábado), a partir das 15h.
Colégio Marista de Ribeirão Preto, na rua Bernardino de Campos, 550, Centro.
Ingressos e mais informações e imagens em: www.facebook.com/juntageek e www.juntageek.com.br

Presenças confirmadas até o momento
Adilson Terrível, Alexandre Callari, Alexandre Laguna, Ana Luiza Vera, André Cruz, Angelo Davanço, Barbara Moreno, Bruno Celegão, Caio Cacau, Carlos Reno, Carol Pimentel, Cris Camargo, Cris Eiko, Daniel Esteves, Daniel Tech, Débora Caritá, Dedy Edson, Dedy Edson, Fabio Moraes, Fernando Ferreira Garróz, Gabriel Grasi, Gerson Luiz Teixeira, Gilmar, Henrique Rainha, Ivar Junior, Jania S Fanny, Jesse Suursoo, Jhow Loki, Jon Russo, Klebs Junior, Laudo Ferreira Jr., Laura Helena, Le Ferreirinha, Leonardo Morila, Lino Facioli, Marcatti, Nicole Pires, Orlandeli, Otavio Cariello, Paulo Crumbim, Renato Lebeau, Ricardo Barbieri, Ricardo Quartim, Rodrigo Pascoal, Rogério Saladino, Rogério Shareid, Rosana Urbes, Ruis Vargas, Silvio Alexandre, Thiago Carossini, Thiago Spyked, Vini Moreira e Vinil

Parcerias e apoios firmados até o momento
Atomica Filmes, DGA Dance Game Arena, Drops, Focinhos S.A., FP Design, Gladius Swordplay, IHQ Studios, Impulso HQ, Nacional Inn Hotéis, Popkai, Rao Marketeer, Set Design, Toka Produtora e Rádio Geek.

, , , , , , , , ,

Participe do lançamento da Rádio Geek!

Com uma equipe de especialistas do mercado de entretenimento, nova rádio reúne conteúdo exclusivo e faixa musical em uma programação 24h e 100% online.

Desenvolvida por grupo de empresas brasileiras, entra no ar nesta terça-feira a versão beta da Rádio Geek. Com programação feita por especialistas e 24 horas por dia, a rádio será uma plataforma 100% digital e focada no mercado geek.

Geek [giːk] – Aquele que está sempre à frente das pessoas comuns. Quem se torna um especialista em tudo o que é do seu interesse. (Fonte: Dicionário Michaelis)

Leia mais

, , , , , , , ,

Saiba mais sobre o programa Criador de Mundos na Rádio Geek.

É oficial! Teremos um programa semanal na Rádio Geek onde iremos falar sobre as novidades do mundo literário, com destaque para a fantasia, a ficção científica e a poesia.
Estaremos sempre acompanhados por escritores, editores e leitores convidados e discutiremos os lançamentos, o modo de produção dos grandes escritores e as novidades do mundo literário.
Sendo assim, eu gostaria de propor uma coisa para todos.

Leia mais

, ,

Conheça o grupo internacional LITERATVS!

O ChamadoRecentemente fui convidado e aceitei participar de um grupo de escritores chamado Literatvs. Um grupo internacional de escritores lusófonos que tem por missão auxiliar, incentivar e despertar o potencial interior de cada escritor, independente de gênero, auxiliando-o em seu desenvolvimento.

O projeto visa também criar centros de discussões saudáveis, construtivas sobre obras de seus próprios membros, sempre com o espírito de fraternidade, respeitando a liberdade individual.

Ficou interessado? Então clique nos links abaixo e, boa leitura!

Acompanhe nossa página no FACEBOOK.
Veja nossas fotos no INSTAGRAM.
Leia nossos textos no WATTPAD.

 

, , , , ,

Anunciada a Terceira edição do Concurso Hydra de Literatura Fantástica Brasileira!

banner_hydra3

A revista norte-americana Orson Scott Card’s Intergalactic Medicine Show (IGMS) e os websites brasileiros A Bandeira do Elefante e da Arara e Universo Insônia se uniram mais uma vez para levar o melhor da ficção especulativa brasileira para os leitores de língua inglesa do mundo inteiro, através da terceira edição do Concurso Hydra de Literatura Fantástica Brasileira. Leia mais

, , , , ,

Escrevendo para as novas tecnologias – Parte 1:

Esse texto faz parte de um artigo constituído de 8 partes, todo ele foi expandido e atualizado a partir de uma palestra que realizei durante o evento LIVROS EM PAUTA que aconteceu no dia 30 de maio de 2015.

O papel do escritor na criação dos Games.

Quando pensamos no trabalho de um escritor em um livro ou um filme, é mais fácil entender o que ele faz. No entanto, quando pensamos no trabalho de um escritor durante a produção de um jogo de computador as coisas se tornam um pouco mais nubladas. Sendo assim, reflita sobre a questão antes de continuar lendo o texto.

poesia

Qual é o papel do escritor na produção de um Game?

Essa pergunta pode parecer difícil mas a responsabilidade fundamental para um escritor continua sendo a de criar através da escrita. Ou seja, ele é o responsável por preencher uma lacuna dentro da produção de um jogo que, francamente, outros não podem preencher. Leia mais

, , , ,

Por que devemos respeitar as histórias de Ficção Científica?

Prof. Isaac Asimov

Prof. Isaac Asimov

Segundo o professor Isaac Asimov, um dos passatempos prediletos dos entusiastas em ficção científica consiste em procurar definir exatamente o que ela é e como, por exemplo, deve ser distinguida da fantasia. Pensando nisso e seguindo os passos de um dos meus escritores favoritos, decidi participar desse jogo.

Restos de uma nave espacial encontrada em Deneb 4

Destroços encontrados em Deneb 4

Para mim, a ficção científica é um estilo literário que discute situações sociais, avanços ou atrasos, que sejam derivados mediante o uso de uma determinada tecnologia tais como um astronauta que precisa usar de seu conhecimento para sobreviver sozinho em um planeta alienígena como acontece no livro “Perdido em Marte”.

Pode ser também a história de uma estação espacial que serve de ponto de encontro, comercial e político, entre a raça humana e diferentes raças alienígenas tal como na Série Babylon 5 ou mesmo em situações em que a ciência transforma a humanidade em um império tecnológico de imenso poder como acontece nos livros de Perry Rhodan. Leia mais

, , , ,

Porque devemos ler histórias de Fantasia?

Desde que a humanidade levantou os olhos para ver além do mato alto, ela se deparou com desafios maravilhosos e assustadores. No início, a falta de comida, a escuridão e os predadores eram o motivo. O medo da fome, da dor, da morte e até o medo do desconhecido, daquilo que existiria além da própria morte, foram os motivadores das primeiras histórias.

Totem do Tigre

Totem do Tigre

Para preparar nossas crianças, os adultos tentavam explicar oralmente, através de histórias e atividades, todas as experiências que o grupo havia presenciado. Por exemplo, um membro do grupo que caísse em um buraco poderia se tornar o exemplo de como a terra engole os traidores. E o tigre que matou dois guerreiros durante uma caçada seria alçado ao nível de entidade sobrenatural, ou mesmo o símbolo protetor, o totem de uma nova “Tribo do Tigre”.

E assim, surgiriam mitos e lendas que seriam contados e recontados por gerações. Muitas dessas histórias se tornariam parte de uma cultura mística e religiosa até se transformar naquilo que chamamos de contos de fadas.

A tendência de passar o conhecimento persiste até hoje, mas ganhou uma roupagem diferente que visa alimentar a imaginação das crianças e estimular as suas fantasias enquanto o enredo responde e resume questões importantes da sociedade. Leia mais