, , , , ,

Escrevendo para as novas tecnologias – Parte 1:

Esse texto faz parte de um artigo constituído de 8 partes, todo ele foi expandido e atualizado a partir de uma palestra que realizei durante o evento LIVROS EM PAUTA que aconteceu no dia 30 de maio de 2015.

O papel do escritor na criação dos Games.

Quando pensamos no trabalho de um escritor em um livro ou um filme, é mais fácil entender o que ele faz. No entanto, quando pensamos no trabalho de um escritor durante a produção de um jogo de computador as coisas se tornam um pouco mais nubladas. Sendo assim, reflita sobre a questão antes de continuar lendo o texto.

poesia

Qual é o papel do escritor na produção de um Game?

Essa pergunta pode parecer difícil mas a responsabilidade fundamental para um escritor continua sendo a de criar através da escrita. Ou seja, ele é o responsável por preencher uma lacuna dentro da produção de um jogo que, francamente, outros não podem preencher.

    1. Durante a concepção de um novo jogo o escritor deve passar a maior parte do seu tempo lendo, pesquisando, tomando notas, para enfim discutir os detalhes com os game designers sobre como será o game . Grande parte do tempo os escritores devem ajudar a desvendar que tipo de game será feito, o quanto ele precisa escrever (narrativa e incidental), como será a história e por fim, como será comunicado todas as idéias.

    2. Na fase de produção do projeto, o escritor deve trabalhar fortemente com os level designers. E assim se certificar que todas as idéias propostas inicialmente formam um amálgama coeso com os levels desenvolvidos. Ele também deve trabalhar diretamente com o departamento de cinematics para a criação das cutscenes , ensaiando com os atores e debatendo com os diretores o que será transmitido.

    3. Nos estágios mais avançados de produção, o escritor acaba participando diretamente do processo de teste e correção do game visando garantir que a história esteja bem representada.

É importante comentar que ele NÃO é a grande mente por trás de um jogo. Escrever para os games, significa colaborar no processo de produção juntamente com toda a equipe de arte, programação e game design.

Haris Orkin, o escritor em Dead Island: Riptide, cita o seguinte:

“É uma colaboração como nos filmes e, muitas vezes funciona ainda melhor nos games, porque o mundo está sendo construído por outras pessoas… Você tem que trabalhar com os game designers, level designers e artistas. É realmente uma colaboração entre todos, porque a história é contada como parte do game, escrever importa tanto quanto o game design e a arte. O diálogo é a parte menos importante de contar uma história, e você necessariamente não precisa contar uma história em um game.”

O escritor pode não precisar contar uma história. Mas é a interação do jogador, durante todo o processo do Game, que realmente cria a experiência.

Para saber mais sobre o assunto pesquise por “Game Writer” nos sites KOTAKU e GAMEINDUSTRYCAREERGUIDE.  Ambos estão em inglês.

Se você gostou dessa primeira parte, comente e compartilhe. No próximo artigo discutiremos a IMPORTÂNCIA DO STORYTELLING na produção dos games.
0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Comente aqui suas impressões!