Entries by Juliano Alves

ZUZU ANGEL – Tristeza e poesia no Cinema Brasileiro:

Hoje participei de mais um grande exemplo do cinema brasileiro. E saí com meu coração pesado por uma poesia que surgiu embalada pela música de Chico Buarque. O que posso dizer? Leiam e analisem tudo o que foi escrito. Assistam o filme com olhares críticos e pensem sobre tudo o que vocês acham que pensam… […]

Seu beijo…

Sempre sonhei com seus lábios pois antes de te encontrarvocê era minha musa, meu sonho… Foi então o destino que me revelou sua alva facee até hoje sonho com seu beijo, o que nunca conheci… Será seu beijo a aurora, o éden que aguardei toda uma vida?Causa-me insônia lembrar de você, sinto teu beijo imaculadoreacender […]

Porque Tentar?

Se você nunca vai conseguir completamente? A vida se dobra diante dos fatos enada mais importa. O que escolhemos nunca é o bastante,e o que queremos não passa de umajuntamento de poeira, que os fatosdeixam levar junto com a sujeira que se foi… A qualidade mais importante da vida éadaptar-se às necessidades. É entender como […]

,
Borboletas

Escolhida as estrelas deste mundo A borboleta deixa de escolher o caminho Caminhos que existem nos veios das pupas Pupas daqueles que fizeram da vida a escolha de Amar. JBAlves

,
Luto

Deito-me em veios de lágrimas E choro por meio do sangue Escolho cem formas de luto A única maneira de me sentir mais vivo… JBAlves

Desalentos Noturnos

Negro como a noite é o céu de teus olhos… De onde brilham estrelas de esperança como lágrimas futuras… Caminhos nus, sem nexo e sem vontade. Presos apenas à memória de teus sonhos mais doces e de teus beijos mais fartos…